Tratamento

Terapia individual

A terapia individual é um espaço de apoio e acolhimento onde o objetivo é encontrar equilíbrio e maior qualidade de vida, independente da sua situação atual.

Na psicoterapia utiliza-se técnicas para o tratar distúrbios mentais ou problemas de ajustamento cotidiano 

 

Os transtornos mentais são condições que interferem na regulação emocional, comportamento e cognição do indivíduo que resulta em sofrimento psíquico e prejuízos significativos nas suas atividades pessoais, sociais, profissionais e etc. Como, por exemplo:

  • Depressão

  • Ansiedade

  • Fobias

  • Transtornos alimentares

  • Transtorno Bipolar e etc

Através das técnicas com embasamento teórico é possível modificar pensamentos, emoções e comportamentos disfuncionais o que resulta em redução dos sintomas e harmonia com os desafios da vida. 

 

Mas não são só os transtornos que trazem prejuízos na vida, muitas vezes são questões do dia a dia que nos fazem buscar ajuda, como:

 

  • Estresse no trabalho

  • Crises pessoais relacionadas ou não ao ciclo vital

  • Dificuldades de relacionamento

  • Autoconhecimento

  • Dificuldade em lidar com as emoções

  • Luto pela perda de alguém e etc

 

Independente do motivo que te faz buscar a terapia, essa experiência poderá ser um momento cheio de descobertas significativas para o seu desenvolvimento pessoal!

Orientação de Pais

A infância é uma fase especial que envolve o crescimento físico, comportamental, cognitivo, social e afetivo. Durante esse período o indivíduo começa a se relacionar com o mundo e criar bases que irão acompanhá-lo durante toda a sua vida. Experiências e vivências que acontecem durante essa fase terão influência na maneira como enxergamos nós mesmos, os outros e o futuro.

 

Mas então o que devo fazer durante esse período? Como educar e colocar limites ao mesmo tempo em que atendo as necessidades emocionais do filho?

Esta não é uma tarefa fácil e o objetivo da orientação de pais é  proporcionar para os mesmos mais ferramentas para uma convivência mais leve e saudável respeitando a individualidade de cada filho. Neste sentido, os pais são agentes centrais de transformação da mudança para os filhos. A postura dos pais diante dos desafios do dia a dia terá um impacto significativo no comportamento do filho, seja ela boa ou ruim.

Para realizar esta intervenção é preciso um olhar biopsicossocial do indivíduo, o que requer orientação integrativa de várias áreas da ciência que colaboram para a compreensão do desenvolvimento humano. É comum reproduzirmos o que aprendemos sobre maternidade e paternidade de acordo com o as nossas experiências, porém, nem sempre a nossa vivência consegue suprir algumas necessidades essências da criança ou adolescente.

Por isso, a intervenção de orientação de pais busca ajudar os pais a lidarem com os problemas do cotidiano que trazem desgastes nas relações familiares ao mesmo tempo que não fornecem aquilo que os filhos precisam para o seu crescimento emocional. Sabe-se que os pais fazem o melhor que eles podem dentro do que receberam e conhecem, mas é possível que ainda estejamos agindo com crenças e mitos sobre educação que não são as mais indicadas para o desenvolvimento saudável.

Existem outros caminhos que podem fortalecer ainda mais este lindo vínculo e responsabilidade que é criar filhos. 

“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas”

 (O Pequeno Príncipe)

Terapia Cognitivo-Comportamental

Dentro da psicologia existem algumas abordagens teóricas de trabalho que visam compreender o ser humano e sua singularidade. Cada uma dessas abordagens possui sua peculiaridade e utilizam técnicas e visões diferentes para auxiliar o cliente a encontrar satisfação.

Na terapia cognitivo-comportamental, também conhecida como TCC, entende-se que não é a situação em si que determina o que o indivíduo vai sentir ou como vai agir, mas a sua interpretação da situação.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No processo para interpretarmos uma situação que nos acontece utilizamos de regras e crenças que foram formadas na nossa infância e adolescência, ou seja, experiências vividas nestes períodos, somadas a questões biológicas e culturais, desenvolvemos maneiras para compreender nós mesmos, os outros e o futuro. Acontece que essas crenças que desenvolvemos nem sempre são funcionais ou verdadeiras e comportamentos que antes eram as únicas estratégias que tínhamos para lidar com a nossa realidade nem sempre estão atualizadas ao contexto que vivemos no presente, o que resulta em sofrimento.

Em busca desse autoconhecimento e flexibilidade mental de como interpretamos e processamos as nossas experiências a teoria propõe uma relação dos nossos pensamentos, emoções e comportamentos que são diretamente influenciados por essas estruturas mentais que utilizamos para dar sentido ao nosso meio. Ao ter consciência dos nossos pensamentos, emoções e comportamentos é possível trabalhar com diversas técnicas para atingir uma mudança daqueles elementos que causam sofrimento ou são disfuncionais, ou uma melhor relação com os mesmos.

O objetivo é tornar consciente os seus esquemas mentais e assim suprir suas necessidades ao mesmo tempo que tome decisões que estejam de acordo com seus valores e proporcionem mais sentido e significado a sua vida.

      

Situação

Pensamento

Emoção

Comportamento

"eu penso"

"eu sinto"

"eu faço"

algo acontece

Como funciona a terapia? 

Os atendimentos acontecem de forma online e com encontros semanais de 50 minutos à 1h. Durante o período do atendimento o trabalho acontece de maneira colaborativo entre cliente e terapeuta, sempre na busca de auxiliar o paciente a refletir e encontrar respostas e direcionamento para suas questões. 

O tempo de tratamento para cada pessoa é algo relativo, já que depende de vários fatores que influenciam na vida do indivíduo que busca ajuda. O tratamento também é algo gradativo que requer tempo e dedicação, assim como quando decidimos cuidar da nossa saúde física nos dispomos a fazer exercícios e cuidar da alimentação, e com o passar do tempo podemos enxergamos os resultados de todo o trabalho. Da mesma maneira a sua saúde mental exige atenção, dedicação e tempo

Cada pessoa é única e a psicoterapia propõe esse cuidado individualizado para cada demanda levando sempre em consideração a sua realidade e subjetividade. Por mais que o resultado final possa trazer alívio, durante o tratamento mergulhar em angústias, medos e inseguranças podem ser bastante desafiadores, mas você não estará sozinho nessa caminhada.

Nunca é cedo ou tarde demais para buscar ajuda e autoconhecimento, já que a terapia é muito mais do que tratar doenças ou desconfortos, é um espaço dedicado para prevenção e promoção de saúde, buscando assim uma vida que valha a pena ser vivida.